Principe PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

ADOPTADO! 

A mãe do Príncipe (Kitty) foi abandonada no quintal duma senhora que a alimentou até que um dia ela teve bebés e a senhora pediu ajuda à Associação. Os bebés vinham muito doentes, com coriza, e muitos deles ficaram com graves lesões nos olhos. O Príncipe foi dos mais sortudos ficando apenas com um olho mais pequeno e choroso. É necessário limpar com soro e por vezes colocar umas gotas mas nada de mais. Em pequeno chegaram a dizer que não o queriam adoptar porque tinha defeito... Pensámos que nunca teria uma casinha só para ele mas quase um ano depois saiu-lhe a sorte grande. Uma senhora com o seu filho vieram adoptar um gatinho e não se importaram com o seu "defeito". Hoje são uma família feliz e afirmam que o Príncipe é um gato como todos os outros. Um bem haja à sua família e que tenham toda a sorte do mundo pois bem o merecem!

Heis as palavras da sua dona:

"Olá Marisa. Faz quase 1 ano que o Príncipe chegou aqui em casa e lembrei-me que lhe devia dar noticias. Tem corrido tudo muito bem. Continua a saltar para as nossas costas sempre que nos apanha mais distraídos, e a mamar na patinha quando está no colo e dorme a seguir. Tornou-se amigo da porquinha da índia, a Eva, e até brincamos que ela o confunde com um porquinho musculado porque assim que o vê fica em pé nas grades da gaiola à espera que ele lá vá dar-lhe uns beijinhos. Só com o aquário do peixe  e com os piriquitos é que é mais complicado. O aquário tem tampa mas já o apanhamos umas quantas vezes com a cabeça e as pata lá dentro na esperança de apanhar o peixe, e com os pássaros nem se fala, se nos descuidamos lá vai ele tentar apanhar o almoço.  Gosta de dormir colado na lareira (fechada), ou no solzinho da janela, e não pode ver uma torneira aberta que lá vai ele enfiar as patas na água, e nem é para beber, é para brincar mesmo. É um gatinho muito meigo e bonzinho e mesmo com os abraços apertados que o meu filho lhe dá ele nunca revirou. Mas acho que ele entende que os abraços vem sempre com um "amo-te tanto gatinho". 

 

 

 

Principe e Pintinha (irmãos):

Príncipe quando foi encontrado:

Irmãos (com 1 mês de idade): Pipoca , Patinhas, Principe, Pakia e Pintinha (todos adoptados):